GetaSecondLife

Aviso à navegação

Tendo em conta certos e determinados acontecimentos que tiveram lugar devido a certo e determinado post neste blog, os autores do GETA gostariam de avisar os leitores que apenas são responsáveis pelos posts que publicam e não pelos comentários que os mesmos possam suscitar.

Aqui não se apagam comentários e ponto final (spam excluído, que isto aqui não é a Santa Casa da Misericórdia). O máximo a que os autores poderão chegar é fechar os comentários a certo e determinado post quando estes se afastam do assunto proposto porque se querem festa, chamem o António. Caso contrário, perde-se a essência de um blog, que é permitir uma discussão sã de ideias e opiniões.

Isto aqui não é uma ditadura onde só prevalecem os que concordam com as nossas opiniões e os nossos pontos de vista. Até agradecemos que nos esclareçam quando estamos errados (eventualmente, porque também temos os nossos momentos Cavaco ‘eu nunca me engano e raramente tenho dúvidas’ :P). Se querem que seja assim, façam-no no vosso blog – lá podem ditar as regras que muito bem entenderem e quem quiser, segue-as, quem não quiser, lê outro blog, que são coisa que não falta. Se querem ver como se faz, vão aqui.

Estamos entendidos? Então podem continuar que há pipocas a comer :D.

pipocas

  • Cat Magellan

    108 comentos,vi agora. Nao li ainda, que la se me iria de vez a net a pedais de ferias, mas vou ler e com muita atencao. De resto, assino por baixo.

  • Cat Magellan

    ah e levar umas pipocas para ir picando ate voltar das minhas ferias, ole! beijocas!

  • Leilah Nishi

    Pois, pois, tu nas férias e nós a levar com eles :P. Volta que temos pipocas para todas :D!

  • Tens de ler, Cat 🙂 Bate qualquer coisa que a TVI tenha produzido!

    Aliás…

    *foge e vai a correr direitinha ao seu agente registar os direitos para uma mega-produção em TV*

  • Ok, gosto mais deste tema, pois pelo menos tem pipocas…

    Claro que concordo a 100% com o que a Gwyneth Llewelyn escreveu sobre o Blog.

    Rui Costa, Radioactive Rosca

  • Bem sobre isso só tenho a dizer. Cada Blog/site tem a sua metodologia de gestão. A meu ver, sem querer entrar em choque com quem faz a gestão deste e outros blog, uma gestão mais justa e coerente de quem publica um post e espera que seja correspondida no assunto que publicou.

    “Disclaimer
    A interação dos leitores pelos comentários é uma característica marcante dos blogs. Deveria ser óbvio que, por serem opiniões de terceiros, não representam necessariamente a opinião do autor. Porém, nem todas as pessoas conhecem um blog ou entendem sua estrutura de imediato. A função do disclaimer é exatamente a de informar a quem chega que o espaço dos comentários pode ser utilizado, inclusive para discordar do ponto de vista do autor, mas que a pessoa será responsável por aquilo que escrever.
    O disclaimer, porém, não isenta o autor do blog de uma eventual responsabilidade civil ou mesmo criminal. Como o blogueiro é, tradicionalmente, a pessoa que detém o poder de autorizar os comentários, editá-los ou apagá-los, dependendo do sistema utilizado, a página de comentários está também sob sua responsabilidade.
    Adotar posturas que possibilitem maior controle dos comentários, como impedir que sejam feitos em posts antigos ou cadastrar previamente quem desejar comentar, também ajuda a reduzir o risco de processos por comentários ofensivos. No caso de dúvidas quanto à possibilidade de identificar o autor, ou do comentário ser injustamente ofensivo a terceiros, é recomendável apagá-lo, pois o autor do blog pode ser responsabilizado juntamente com o autor do comentário.”

    Quote retirado daqui http://ogintonico.weblog.com.pt/arquivo/2004/10/algumas_nocoes.html

    Mas claro esta é só a minha opinião.

    Até já.

  • @Naima,
    Enquanto blogger com alguns anitos e curiosamente dos tempos do weblog discordo totalmente do disclaimer que apresentaste. Curiosamente, essa é exactamente a postura de algumas pessoas que se encontram ofendidas comigo e com o GETA… Além de que o disclaimer a que te referes é de 2004, diz respeito à Constituição Federal do Brasil e não à Constituição da República Portuguesa. Outra das noções que é referida no post que linkaste refere-se com ao local no qual o blog se encontra alojado e este blog não se encontra alojado em território português. Portanto, de acordo com a Constituição Federal do Brasil, dificilmente poderíamos ser alvo de acção judicial.

    Um blog anônimo hospedado em servidor estrangeiro dificilmente será alvo de um processo no Brasil.

    O artigo que citas estava a citar o Memória Virtual que, neste momento, tem um disclaimer idêntico àquele que apresentámos neste post.

    Repara, um blog é um espaço pessoal (ou colectivo) em que as regras que se aplicam são as regras do autor (ou autores) do mesmo. Não faz sentido existir um disclaimer únicos que se aplique à generalidade dos blogs porque cada blog é único. Aquilo que é escrito em blogs é sempre o ponto de vista do autor que o escreveu e nunca pode ser assumido como uma verdade absoluta e o mesmo se aplica aos comentários. Neste espaço consideramos que não somos responsáveis por aquilo que os comentadores escrevem nos seus comentários e que somente somos responsáveis por aquilo que cada um escreve nos posts que assina. Temos igualmente o cuidado de não editar datas de posts e de não editar comentários.
    Repara eu poderia criar agora um post de disclaimer no meu blog antigo e datá-lo de 2003 (data de início do meu blog RL). Como o meu blog até tinha mais hits que o gin tónico, o meu disclaimer iria surgir primeiro no Google e aí passarias a ter uma nova *verdade absoluta*. Tramado, não era? Não o vou fazer, obviamente, mas a questão é que é possível fazê-lo.

    As regras são algo como: dentro de sua casa, cada um faz o que quer e quem não gosta coloca à borda do prato.

  • CUSPE Bailey

    LOOOOOOoooooooooooooooooooooOOOOOOOOOOOL
    CORRECTO, aceitam-se criticas e opiniões.
    Hehehehehehehehe

    CUSPE