GetaSecondLife

A Second Life® cruza-se com a Vida Real, um testemunho:

untitled.bmp

“[…] Eis-me então mergulhada no dito – ficou de fora o nariz (pra respirar que dá jeito) e os olhitos (pra não perder totalmente de vista os gaiatos cá da casa). E… uaaaaaauuuuu… não é que dá pra passear, explorar, dançar, conhecer um montão de gente de todas as partes do Mundo ?
E… mmm… olha bolinhas… qu’é q’u’isto faz ? Não acontece nada ? Peraí… isto com um parceiro de palhaçada é que é xiru… deixa cá ver se consigo escrever umas cenitas mais quentes com este gajo aqui ? Olha… o gajo até é um tipo porreiro e alinha nas brincadeiras todinhas !
Boa cabeça este tipo… e depois das cartas na mesa e das ondas hertzianas alinhadas e expectativas acalmadas, a coisa até resulta lindamente.

Táva eu nisto quando o cara-metade acordou. Na verdade, parece que andávamos ambos a dormir há algum tempo. E poizé… apanhou-me literalmente de calças na mão (ou sem elas? Espero que o blog seja Mature only, hehehe).
Ena ! Uma crise de ciúmes e umas conversinhas de travesseiro? Deixa lá ver há quanto tempo eu não tinha uma reacção destas? Hummm… faz um tempão mesmo, hehehe.

Depois de tudo muito bem explicadinho, o maridão até que achou piada ao jogo também, e toca de arranjar um bonequito pra ele. Tratados dos detalhes e feita a formação inicial, lá fomos indo, umas vezes juntos, outras separados. Entre o vem cá ver isto e o chega pra lá preciso de espaço, damos por nós finalmente a falar, até de assuntos que nunca havíamos partilhado. A redescobrirmo-nos… a reaproximarmo-nos… a reapaixonarmo-nos. E como ele me dizia ontem… apaixonarmo-nos neste ponto das nossas vidas era o melhor que nos poderia acontecer.

E agora ? Vamos equilibrando a RL e a SL™… vamos em busca de bolinhas novas e damos por nós feitos adolescentes a discutir posições e roupinhas e peles, tp pra cá, agora não posso, não leias que é privado, já fui e acabei de ser pedido em casamento, agora tou numa festa de swingers, e eu na Ivory Tower, quero usar 10 piercings diferentes, vamos caçar lugares pra camping, ganhei o concurso de best dressed, consegui meter uma foto nossa SL™ na parede e enfiar numa moldura giraça, ondas e sons na casinha em Donatelli (e um beliche novo pró quarto dos miúdos) e o que gostamos e não gostamos, o que dá gozo e o que não dá, em RL e em SL™… qual é mesmo o problema de misturar ambas ?

No percurso, lançamos mão ao MSN, aos SMS e a tudo o que temos direito… os putos começam a queixar-se de serem os “emplastros” na história e a reclamar das “figuras tristes” dos pais nos locais públicos.
Pelo meio, novos amigos SL™ e velhos amigos RL – alguns de ambos, outros de um lado só, comuns ou não… e porque diabos tem o dia só 24 horas ???
A ideia inicial sempre foi esta… trazer o que há de positivo do SL™ para RL – só não poderia imaginar um volte-face destes… e ainda a procissão vai no adro !
Por tudo… e por mais alguma coisa ainda… obrigado Madrinha ! ”

Summer

Sobre Tess, ex aut

Entrei no SL pela mão da Cat. Demorei a entrar no esquema, confesso, e comecei por achar aquilo tudo uma grande confusão. Um bocado como estar num sítio estranho no meio de estranhos. Depois, com umas ajudinhas, fui começando a achar piada à coisa, a este mundo virtual onde (quase) tudo é possível.
  • Jose Flamand

    Que valente testemunho!

  • Winter

    Maninha adoro-te RL e SL 🙂
    Para variar deixaste-me sem palavras

  • cat

    Summer, OBRIGADA! :)))))))))))))))))))))))))))))

  • Miguel Yesheyev

    Summer, fantástico relato : )))))))) Fantástico. Ainda bem, fenomenal! 😀 E acredito, sim acredito. Tem esses efeitos secundários perversos : PPPPPP

  • Também fiquei extasiada…

    ( Vais ter uma surpresa! 😉 )

  • Summer Wardhani

    Brigadus a todos, ninos e ninas 🙂 Eu é ke agradeço a oportunidade de partilhar convosco o bem ke o SL me fez – e aos ke me rodeiam RL tb ! 🙂 Sobretudo porque foi mesmo agradável descobrir que para além de um substituto para kem fisicamente não tem grande margem de manobra para sair e conviver, afinal os jogos online (válido pra chatrooms tb, eventualmente) até ke podem funcionar como um instrumento para reavivar uma relação… quando por aí se ouve, a maior parte das vezes precisamente o contrário !

    Agora só para a Ana Lutetia – adorei a surpresa! Mas olha… voltei a ler o testemunho e se calhar induzi-te sem kerer em erro. Esclarecendo: o Roberto Felix, apesar de se ter tornado um GRANDE AMIGO ao ponto de partilhar a casinha com duas das pessoas mais importantes pra mim em todos os mundos ke possa haver… não é o meu gajo RL, hehehehe

    Xinhus pra todos voceses – e mais uma vez mil obrigados por viajarem comigo !

  • Ainda bem que adoraste a surpresa! 😀

  • Nuno

    Sim porque isto de andares a indicar a outros gaijos prendas para dar à minha mulherem SL, lá terei eu que me esforçar mais em RL para a compensar:P
    eheheheehehe
    não que me importe 🙂

    P.S.-é que nem em SL me chamo Roberto….

  • ….

    Se precisares de umas dicas, apita! 😉

  • Roberto

    Ois Nuno!

    Nem se preocupe que vou aplicar um horário rígido ao Felix! A partir de hoje ele deixará de ser o companheiro inseparável das Twins! E vai desfazer qualquer mal entendido que possa existir indicando que ele fosse gajo da Summer no SL. E obrigado pela dica Ana, foi muito legal da tua parte como sempre!

    O Felix continua sendo o que sempre foi, amigo de todos da casa!

    Abraços,

    Roberto (na RL e no SL) lolol

  • dimeneutro

    como eu jogo

  • Eduardo Peres

    Boa noite,

    estou a reunir conteúdos para uma reportagem para a revista Focus. Gostei bastante do relato e teria todo o gosto em trocar algumas palavras sobre a vossa experiência.

    Cordeais cumprimentos:

    Eduardo Fafiães Peres ( [email protected])

  • lucas rato

    ……….

  • natanael

    oiiiiiiiiiii tudooooo bom eu quero participa desse site ok um abraço para todos que participa fuiiiiiiiii

  • porra como eu faço
    para jogar esse jogo?????????

  • Norberto Junior

    Quero participar da navegação virtual de vidas;

  • chesman

    esto muito asioso para participa pois vi documentario eum coisa que eu amo e a enternete gostari que voçes mi permitise entra nessa vida

  • quero viver num mundo quase reau

  • raul

    gostava poder dar uma vista de olhos

  • esse second laif tem que pagar pra joga