Apesar de ser uma aventura “interessante”, esta do SL, acaba por padecer de alguns males que a poderão ferir de morte ou catapultá-la para um patamar superior, caso sejam finalmente resolvidos. Talvez por isso, o número de pessoas online simultaneamente nunca ultrapasse algumas dezenas de milhar em mais de 8 milhões de registos. É inclusivamente curioso que se tenham logado 1.708.510 pessoas nos últimos 60 dias quando, no mesmo período, o número de novos registos foi superior a um milhão. Mas adiante.

Quando tomámos a decisão de criar a Portucalis, o objectivo era tornar a ilha um risco partilhado e não exclusivo. Porque são ainda muitas e grandes as dúvidas em torno da SL.  Pior publicidade seria impossível mas há que dizê-lo. Hoje é um exemplo típico da não funcionalidade da grid, com quebras frequentes, inventários atrasados, imobilismo, viagens intermináveis pelo limbo, entre tantas outras makas… Voar, nem vale a pena. E rezzar?! Pior ainda. Mas tirando hoje, que é um dia mesmo mau, o que dizer dos outros em que rezzar pode tornar-se igualmente um verdadeiro suplício… E isto não era suposto ser uma diversão e um gozo? Ora se não podemos usufruir em pleno dos nossos “direitos”, onde é que termina o gozo e começa a seca e o desalento? Lembrei-me agora, de repente, na verdadeira seca que era carregar um jogo no Spectrum 48k e, após longos minutos de seca e barulho infernal, o jogo não carregar. No início ainda se faziam todos os sacrifícios… E depois?