GetaSecondLife

as classificações no perfil

interface - profle

Ainda não percebi se as classificações que surgem nos perfis dos avatares são ou não importantes e, caso o sejam, para quê e/ou para quem. Quase há dois meses a deambular pelo SL™, revi o perfil e não gostei que estivesse tão… a zeros! O senão de qualificar avatares é o custo envolvido. Cada nota custa L$™25. As classificações têm quatro categorias: Comportamento, Aparência, Construção e Generosidade. Só as três primeiras poderão ser graduadas pelos outros avatares. A categoria de Generosidade depende dos artigos dos inventários que damos. No entanto, somente as coisas que damos e dos quais não ficamos com cópia no inventário é que geram classificação. Já vi uns quantos perfis com pontuações elevadíssimas. Gostava que o meu perfil também fosse assim mas tenho ainda muitas horas de jogos p’la frente.
profile interface 1

  • Hmm, infelizmente não tens muita sorte. É que em 2004 (e inícios de 2005), os ratings custavam L$1, e tinham uma particularidade: se recebias muitos ratings positivos, os Lindens davam-te mais dinheiro todas as semanas 🙂 E compensava: ganhavas mais do que recebias.

    Isto fazia com que as pessoas organizassem rating parties cujo único objectivo era com que toda a gente desse ratings uns aos outros, aumentando assim o rendimento semanal bruto de todos 🙂

    Até havia uma lista dos “avatars mais populares”… dá uma olhadela à Misty Rhodes 😉 Foi a “recordista” durante uns anos!

    O sistema infelizmente foi tãããão abusado, que a Linden Lab acabou com ele. Hoje em dia, a maior parte das pessoas simplesmente não tem dinheiro para dar ratings e espera-se que a Linden Lab acabe com eles de uma vez por todas…

  • oohh! que injustiça…
    Estou atrasada uns anos! 😉