Rapidamente para quem não percebeu nada do post em baixo:

Friedrich Hayek used the term Catallaxy to describe a market economy. He was unhappy with the usage of the word “economy”, feeling that the Greek root of the word – which translates as “household management” – implied that economic agents in a market economy possessed shared goals. Hayek derived the word Catallaxy from the Greek verb “katallassein” (or “katallattein”) which meant not only “to exchange” but also “to admit in the community” and “to change from enemy into friend”

O Sean Lynch é um blogger do Catallarchy, um conhecido blogue libertarian (palavra que os americanos usam para distinguir os liberais-clássicos dos liberals, ou seja, socialistas), e que passará a integrar a equipa Linden. A malta das novas tecnologias costuma ser bastante anárquica (não gosta que haja quem mande), mas poucos percebem que não há investimento ou tecnologia sem propriedade privada- de facto, a maioria sofre síndrome de artista: o desprezo pelo vil metal e pelas convenções formais. Se o SL tem intenções de chegar a algum lado, tem de insistir em criar condições para que lá dentro prosperem economias de mercado, o que exige um sistema simples e justo de protecção de direitos de propriedade virtual. O SL tem de se tornar comercial. Ter na equipa quem tem um sólido conhecimento do processo catalático – do laissez-faire, das ordens espontâneas, da prosperidade sem planeamento ou regulação – é um valioso asset para a Linden Labs.