Nao, nao e’ um post sobre que giro que e’ ter voz (tem piada, tem).

Estou eu a explicar a voz no Second Life a nao-residentes:

– Aquilo tem piada! As pessoas falam, iadaiadaiada, depois ha quem so’ esteja a ouvir e nao fale, responde em texto, para quem nao ouve, torna-se um bocado confuso, o texto fica sem nexo, mas enfim, ha quem nao queira falar…varias razoes, ou, pura e simplesmente nao tem mic, ou nao lhes apetece, ou entao sao do sexo oposto dos avatares respectivos…

– Ou entao sao mudos!

(depois das gargalhadas, de facto constata-se: nada como a explicacao mais simples)